Morre o empresário Norberto Odebrecht, aos 93 anos, em Salvador/Ba

19 de julho de 2014

Fonte O Globo
SALVADOR e RIO - Fundador de uma das principais empreiteiras do país, o engenheiro e empresário Norberto Odebrecht nasceu em Recife, em 9 de outubro de 1920, e se mudou para a Bahia aos 6 anos de idade. Aos 21 anos, ainda estudante da Escola Politécnica da Bahia, Norberto assumiu os negócios do pai e, em 1944, fundou a Construtora Norberto Odebrecht. Hoje, a Odebrecht atua em 23 países e emprega quase 200 mil pessoas.
Filho de Emílio Odebrecht e Hertha, aos 15 anos Norberto começou a trabalhar nas oficinas da empresa do pai, a Emílio Odebrecht & Cia, onde aprendeu os ofícios de pedreiro, serralheiro, armador; foi chefe de almoxarifado e responsável pelo transporte; conviveu e aprendeu com mestres de obras e operários. Aos 18 anos, ingressou no curso de Engenharia, seguindo a tradição familiar de três gerações.


Quando cursava o terceiro ano, a empresa do pai entrou em dificuldades. Emílio retornou à Santa Catarina, seu estado de origem, e Norberto assumiu a direção da companhia aos 21 anos. Teve que conciliar trabalho, estudos e uma convocação para o serviço militar. Ainda assim, concluiu a faculdade em 1943.
Nos anos 60, Norberto expandiu e nacionalizou a construtora, diversificou sua atuação na década seguinte e iniciou a internacionalização de seus negócios. Simultaneamente às tarefas de presidente, Norberto criou, em 1965, a Fundação Odebrecht, que atualmente apoia projetos de desenvolvimento social na Bahia.
Em 1991, Norberto passou a presidência da Odebrecht S.A. ao filho Emílio Odebrecht. O fundador da organização se tornou então presidente do Conselho de Administração, cargo que mais adiante o filho Emílio assumiu, em 1998. Desde então, Norberto era o presidente de honra da Odebrecht S.A., além de presidente do Conselho de Curadores da Fundação Odebrecht.


 

Em 1979, a empresa começa a ganhar novos mercados fora do Brasil e chega ao Peru. Em 1986, conquista a África, com o contrato para construção da hidrelétrica de Capanda, em Angola.
Descendente imigrantes alemães e educado no rigor da formação luterana, Norberto determinou um caminho para o grupo: “A ética, no fundo, são as regras que um grupo estabelece. Você tem que ser fiel a essas regras”, disse ele em entrevista à revista “Exame”, em 1995.
Noberto morreu na noite de ontem, aos 93 anos, por complicações cardíacas, em Salvador, na Bahia. Ele estava internado há dois dias no Hospital Cárdio Pulmonar e faleceu por volta de 20h. O corpo do empresário será enterrado hoje, às 11h, em cerimônia familiar, no Campo Santo, em Salvador.


Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

  © Ourblogtemplates

Back to TOP