Polícia investiga participação de PMs na morte de moradores de rua

10 de fevereiro de 2012


Outra possibilidade investigada é de que eles agissem sob orientação e comando de comerciantes de diversos bairros.O diretor do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), delegado Arthur Gallas, disse nesta sexta-feira (10) que investiga a possibilidade do assassinato de cinco moradores de rua na Boca do Rio estar relacionado à greve parcial de policiais militares. O objetivo da chacina seria gerar pânico na cidade.

Outra possibilidade investigada pela polícia é de que os quatro soldados acusados pelo crime agissem sob orientação e comando de comerciantes de diversos bairros.

Imagem Google

Os soldados Donato Ribeiro Lima, de 47 anos, e Willen Carvalho Bahia, 34, foram presos, nesta quinta-feira (9), por investigadores do DHPP e agentes do Comando de Operações Táticas (COT), da Polícia Federal, em cumprimento a mandados de prisão expedidos pelo Juiz Freddy Carvalho Pitta Lima, da 8ª Vara Crime.


Os soldados Samuel Oliveira Meneses, conhecido como “Marrom”, e Jair Alexandre dos Santos também já possuem mandados de prisão, expedidos pela Justiça, e são procurados pelas Polícias Civil e Federal. Ambos são lotados na 39ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), localizada na Boca do Rio.

Os soldados são suspeito de terem matado cinco moradores de rua no dia 3 de fevereiro, na avenida Jorge Amado, na Boca do Rio. Também são acusados de um triplo homicídio, ocorrido em setembro do ano passado, também na Boca do Rio, que vitimou três adolescentes de 14, 15 e 16 anos de idade.

Investigações revelam que o quarteto também é responsável pela morte de Sérgio dos Santos Sena, em abril de 2010, também na Boca do Rio.

Líder
Apontado como líder do grupo, o soldado PM Donato já esteve preso na Colônia Penal Lafayete Coutinho, condenado por homicídio, trabalhou na 39ª CIPM/Boca do Rio e encontrava-se lotado no 16° Batalhão de Polícia Militar, em Serrinha, distante 180 quilômetros de Salvador.

Segundo a assessoria de comunicação da Polícia Civil, Willen integra o Comando de Operações Policiais Militares (COPPM), no bairro dos Aflitos. 

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

  © Ourblogtemplates

Back to TOP