Um pouco de Eadweard J. Muybridge

9 de abril de 2012

Fonte: Wikipedia
Eadweard J. Muybridge, 9 de abril de 1830 – 8 de maio de 1904) foi um fotógrafo inglês conhecido por seus experimentos com o uso de múltiplas câmeras para captar o movimento, além de inventor do zoopraxiscópio, um dispositivo para projetar os retratos de movimento que seria o precursor da película de celulóide, usada ainda hoje.
Vida e Carreira

Muybridge nasceu Edward James Muggeridge, em Kingston, Inglaterra. É possível que ele tenha mudado seu nome para combinar com o nome do rei Eadweard. Embora não tendo mudado seu nome até meados de 1870, mudou seu sobrenome para Muygridge, seguido por Muybridge - no lançamento de sua carreira fotográfica.
Em 1855 Muybridge chegou em São Francisco, começando sua carreira como agente e livreiro de um editor. Saiu de São Francisco no fim dessa década, e após um acidente em que sofreu lesões em sua cabeça, acabou retornando a Inglaterra por alguns anos. Reapareceu em São Francisco em 1866 já com o sobrenome Muybridge e tornou-se rapidamente bem sucedido na profissão de fotógrafo, concentrando-se em paisagens e assuntos arquitetônicos.
Fotografando o Oeste

Muybridge começou a criar sua reputação em 1867, com fotos do Yosemite National Park e de São Francisco, California (muitas dessas fotos do Yosemite National Park reproduziam algumas cenas já fotografadas por Carleton Watkins). Muybridge tornou-se rapidamente famoso por estas fotos, que mostraram a grandiosidade do oeste.
As imagens foram publicadas sob o pseudónimo de "Helios". No verão de 1868, Muybridge organizou uma comissão para fotografar uma das expedições do exército dos Estados Unidos ao Alaska, território recém adquirido.
Em 1871 a California Geological Survey convidou Muybridge para fotografar. Nesse mesmo ano ele se casa com Flora Stone. Ele gastou muitos anos de sua vida viajando como fotógrafo. Em 1873 a Central Pacific Railroad avança dentro do território dos índios e o exército americano convoca Muybridge para fotografar a Modoc Wars.

Imagem Google

Zoopraxiscópio
Esperando capitalizar em cima da atenção do público aos seus retratos, Muybridge inventou o Zoopraxiscópio, uma máquina similar ao Zootrópio, mas onde as imagens possuíam um movimento realístico. O sistema foi o precursor do desenvolvimento da película de filme e suas apresentações foram aclamadas pelas audiência do público e dos cientistas.
Na World's Columbian Exposition, no ano de 1893 Chicago, Muybridge deu uma série de leituras sobre locomoção animal no salão Zoopraxográfico, construído especialmente para essa finalidade. Usou seu zoopraxiscópio para mostrar seus retratos movimentados a um público pagante, que fez com que o salão fosse considerado o primeiro cinema comercial.

Na Universidade da Pennsylvania e no zoológico local, Muybridge usou uma série de câmeras para fotografar povos e animais e estudar seu movimento. Os modelos, ou inteiramente nus ou com roupa muito pequenas, foram fotografados em uma variedade de empreendimentos, variando do encaixotamento, ao passeio abaixo das escadas. Entre 1883 e 1886 ele fez um total de 100.000 imagens, trabalhando sob os auspícios da Universidade do Pensilvânia. Foram publicados como 781 placas que compreendem 20.000 das fotografias em uma coleção intitulada Animal Locomotion. Muybridge trabalhou lado a lado com o início da ciência da biomecânica e da mecânica dos atletas.
Recentemente tem-se agregado a influência de Étienne Jules de Marey no trabalho de Muybridge. Muybridge visitou o estúdio de Marey na França e viu estudos de "stop-motion" de Marey antes de retornar aos Estados Unidos, para promover seu próprio trabalho na mesma área. Entretanto, visto que as realizações científicas de Marey nos reinos da cardiologia e da aerodinâmica (assim como a abertura de caminhos do trabalho na fotografia e na cronofotografia ) são indisputáveis, os esforços de Muybridge eram a algum grau mais artísticos do que científicos. O próprio Muybridge explicou, em algumas de suas sequências publicadas, que substituiu as imagens onde as exposições não ilustravam um movimento representativo.


Morte
Eadweard Muybridge retornou a Inglaterra em 1894, publicou dois livros e faleceu em 8 de maio de 1904. Foi cremado e suas cinzas enterradas em Woking.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

  © Ourblogtemplates

Back to TOP