Venda de Acarajé durante os jogos da Copa 2014

6 de outubro de 2012

Fonte: Ibahia
A medida da Fifa limitará a propagação das marcas concorrentes aos patrocinadores do mundial. O secretário da Secopa-BA (Secretaria Estadual para Assuntos da Copa), Ney Campello, garantiu em entrevista ao iBahia, que a venda de acarajé será totalmente liberada no entorno da Arena Fonte Nova, durante os jogos da Copa do Mundo 2014 e da Copa das Confederações.
O assunto virou uma polêmica nesta quinta-feira 04/10/2012, após veículos de comunicação anunciarem a proibição da comercialização dos quitutes. Campello, por sua vez, fez questão de ressaltar que a informação é falsa e as baianas não terão restrição para vender o bolinho.
Segundo o secretário, a limitação estipulada pela Fifa é em relação ao marketing de empresas concorrentes aos patrocinadores do mundial e informou que os ambulantes poderão comercializar normalmente os produtos, no entanto que sejam produtos relacionados às marcas patrocinadoras. "Muitas empresas, aproveitam dos ambulantes para propagar a sua marca, o que não será permitido", explicou. 

 
 O acarajé é tombado pelo Iphan  como patrimônio imaterial da Bahia

O representante ainda citou alguns exemplos do que poderá haver restrição. "A Habib's tem uma unidade próxima a Arena Fonte Nova e nem por isso será proibida de funcionar. Ela (Habib's) não poderá levar sua marca e produtos para fora da sua unidade fixa, pois, é concorrente da Mc Donalds, que é um patrocinador", ressaltou. Outro exemplo citado foi em relação a uma outra patrocinadora, a marca de bebidas, Coca-Cola. Os ambulantes não terão permissão para comercializar bebidas das marcas concorrentes.
Quanto aos acarajés, abarás e diversos quitutes tradicionalmente conhecidos na Bahia, o comércio será totalmente liberado. Questionado sobre a possibilidade de pontos de vendas dentro da Arena, Campello alertou que o estádio ficará a disposição da Fifa, que determinará os produtos comercializados no ambiente interno. "Quem diz o que vende dentro da Arena é a Fifa. Agora, se ela solicitar a venda de acarajé por ser um patrimônio imaterial da Bahia, teremos o maior prazer em atendê-los, já que estamos qualificando as baianas para caso isso aconteça", explicou.
 Essa medida da Fifa começa a vigorar 21 dias antes da realização dos eventos e valerá apenas durante o período da Copa das Confederações, em 2013, e da Copa do Mundo 2014. Durante qualquer outro evento realizado na Arena, a comercialização voltará ao normal.
O acarajé, quitute tradicional, é tombado pelo Instituo do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como patrimônio imaterial da Bahia.
A Federação divulgou comunicado na tarde de sexta-feira 05/10/2012 informando sua posição em relação à venda do produto.
A grande polêmica sobre a comercialização do acarajé na Copa do Mundo de Futebol de 2014 ganhou mais um capítulo. No comunicado, a Federação fez questão de afirmar que o acarajé estará presente nos tabuleiros das baianas, mas ainda não se sabe qual a concessionária brasileira que irá ficar responsável pela venda e distribuição dos alimentos.
"A FIFA pediu que cada licitante contemplasse no cardápio um produto da culinária regional em cada estádio. Isso vai refletir a diversidade das regiões no Brasil também a partir de uma perspectiva gastronômica. Ressaltamos que a maioria das propostas recebidas pela FIFA até o momento sugere a venda de acarajé em Salvador".
 A nota cita ainda alguns exemplos de situações que já aconteceram em Copas anteriores. "Para se ter uma ideia do volume nas últimas duas edições da Copa do Mundo da FIFA, cerca de 4 mil funcionários serviram em 2006, nos 12 estádios: aproximadamente 1 milhão de litros de cerveja, 5,5 milhões de litros de refrigerante e 709 mil salsichas alemãs. Em 2010, nos nove estádios, foram servidos 600 mil litros de refrigerante, cerca de 800 mil litros de cerveja e 390 mil cachorros-quentes".
 Sobre a tabela de preços dos produtos, a FIFA informou: "É importante que os fãs de futebol encontrem os mesmos preços e qualidade em cada um dos estádios e possam provar, ao mesmo tempo, sabores locais e clássicos internacionais".


Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

  © Ourblogtemplates

Back to TOP